terça-feira, 8 de setembro de 2009

qe importhante, Foste!


Qe importhante.. FOSTE!

Foste importante no meu conto de fadas, fosthe importhante de noithe quando tinha medo...
Foste importhante quando estive sozinha, quando caí e voltei a cair...
Foste importhante quando as lágrimas me escorriam pela cara...
Fosthe importhante enquanto andei á deriva numa noithe de chuva, sozinha, abandonada, triste...
Fosthe importhante sempre qe precisei...
Fosthe importhante sempre qe te amei...
Mas em todos os momentos em qe fosthe importante, nao estives te presente...

Ignoras te...!


Ignoras te as minhas ilusoes em qe tu eras principe e eu uma princesa...
Ignoras te de noite quando te ligava, por ter medo da solidao...
Ignoras te quando eu estava sozinha e precisava de tii...
Ignoras te enquanto eu chorava...
Ignoras te quando me perdi, de noite á chuva, sozinha, abandoonada e triste...
Ignoras te quando precisei...
Ignoras te quando te amei...


Agora?? agora é passado...


Amanha precisarás tu do teu conto de fadas, de ligar para mim por teres medo, quando estiveres sozinho, quando precisares de mim, quando chorares, quando te perderes numa noite de chuva, sozinho, triste e abandonado, quando precisares de mim, me amares....


SERÁ TARDE!! :'$

1 comentário:

About me